O Design Gráfico e o Programa de Identidade Visual nos Sistemas de Comunicação Visual Ambiental

Objetivos:

1)Fornecer aos alunos um conhecimento crítico da imagem, linguagem e expressão no design gráfico editorial, publicitário, ambiental, corporativo e do produto; 2) Estudo da imagem visual baseada nos conceitos de programa de identidade visual: elementos, relação e funções; 3) Compreender a mensagem visual e sua interação com o espaço onde se insere (contexto espaço natural versus construído), fortalecendo os aspectos de sua identidade, compreendendo os elementos componentes, além de soluções de organização visual e sua legibilidade.

Justificativa:

Aprofundar conhecimentos teóricos e pragmáticos de comunicação visual na análise e desenvolvimento do projeto de programa de identidade visual dentro de uma visão sistêmica.

Conteúdo:

1) Conceito de identidade visual e do design gráfico na área publicitária, editorial, corporativa, ambiental e do produto; 2) Os elementos de expressão gráfica (pictogramas, símbolos básicos, alfabetos, desenho e composição, grafismo, suportes, diagramação, signos pictóricos, direcionais, etc…); 3) O planejamento, programa e implantação do sistema de identidade visual; 4) A aplicação do programa de identidade visual; 5) Os principios do design gráfico na arquitetura e na cidade; 6) Planejamento do trabalho com apresentação, discussão e escolha de temática e áreas; 7) Definição de metodologia e cronograma de trabalho.

Forma de Avaliação:

Observação:

Bibliografia:

Aicher, Otti – Para uma revisão dos atuais sinais viários. São Paulo: FAUUSP, 1970. Tradução de Élide Monzeglio. (mimeo). AICHER, Oti; Krampen, Martin. Sistemas de signos en la comunición visual. Barcelona: Gustavo Gilli, 1977. ARNHEIM, R. La forma visual de la arquitectura. Barcelona: Gustavo Gulli, 1978. Banerjee, T.; Southworth, M. (eds). City sense & city design: Writings and projects of Kevin Lynch. Cambridge: MIT Press, 1991. Bayley, Stephen. Guia Couran del diseño. Barcelona: Alianza Editorial, 1985. BERGER, John. Modos de ver. São Paulo: Martins Fontes, 1975. CINTRA, Sylvio de Ulhôa. A comunicação visual da escrita. São Paulo: FAUUSP (mestrado), 1985. CULLEN, Gordon. El paisage urbano, tratado de estética urbanística. Barcelona: Editorial Blume, 1974. FINKE, Gail Deibler. City signs inovative urban graphics. Nova Iorque: Madison Square Press, 1994. FRUTIGER, Adrian. Símbolos, signos, marcas, señales. Barcelona: Gustavo Gilli, 1981. IGARASHI, Takenobu. World trademarks and logotypes II. Tóqui: Graphic-sha, 1987. INSTITUTO MUNICIPAL DE CULTURA E ARTE – RioArte / Corredor Cultural – a cor, Rio de Janeiro: Prefeitura, RioArte, 1990. IPLANRIO – Rio Cidade: o urbanismo de volta às ruas, Rio de Janeiro: Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e IplanRio, 1996. KAMPREN, Martin. Sinalização urbana: história dos sinais viários. São Paulo: FAUUSP, 1970. Tradução de Élide Monzeglio (mimeo). SOUZA, Carlos Leite de. Mapas cognitivos, ambiente construído & APO: um enfoque em cognição ambiental. São Paulo: IEA-USP Grupo de Ciência Cognitiva, 1995 (mimeo). LIMA, Maurício Nogueira. Da cidade para a cidade. São Paulo: FAUUSP (dissertação de mestrado), 1982. LYNCH, Kevin. De que tiempo és este lugar? Barcelona: Editora Gustavo Gilli, 1975. MCFARLING, Leslie, HEIMSTRA, Norman W. Psicologia do Ambiente. São Paulo, EDUSP, 1978. MINAMI, Issao. – Identidade visual: Elementos de expressão gráfica. São Paulo, FAUUSP (trabalhos programados de doutorado), 1989. – Expressão e representação do espaço urbano por meio da codificação visual da imagem: memória da Vila de Paranapiacaba. São Paulo, FAUUSP (dissertação de Mestrado), 1983. MUNARI, Bruno. Design e comunicação visual. São Paulo, Martins Fontes, 1977. ORANGE BOOK. Environmental Design Best Selection. Tóquio: Graphic-sha, 1985. PADOVANO, Bruno Roberto. Legibilidade da paisagem urbana: o caso de Santo Amaro. São Paulo, FAUUSP (tese de doutorado), 1987. RUDER, Emil. Manual de diseño tipográfico. Barcelona: Gustavo Gilli, 1983. TUAM, Yi Fu. Topofilia: um desenho de percepção, atitude e valores do meio ambiente. São Paulo, Difel, 1980. Urban Signage Design . Tóquio: Graphic-sha, 1989.

Código
Créditos
Área de Concentração